sábado, 3 de julho de 2010

Furia não brilha mas passa


Num jogo muito conturbado cheio de erros da arbitragem o time espanhol ganhou através de o símbolo da Espanha na copa o grande David Villa que fez um gol com uma dose de dramaticidade pois no lance do gol a bola bateu três vezes na trave antes de entrar. O time paraguaio atuou muito bem a primeira etapa marcando como nunca e se ousou a marcar o habilidoso time espanhol no seu próprio campo de ataque com isso deixava brechas para o time de Luiz Aragones porem a marcação foi tão eficaz que esses espaços não apareceram por conta disso o time paraguaio conseguiu dominar o jogo e chegou a faze um gol mal anulado pelo trio de arbitragem e teve outra boa chegada em um contra ataque que o Valdez desperdiçou. Segundo tempo o time do Paraguai continuou melhor e chegou a desperdiçar um penalti com Oscar Cardozo que foi defendido por Iker Casillas, um minuto antes do pênalti em favor do Paraguai entrou no lugar do fraco Fernando Torres o meia Cesc Fabregas que deu outra cara ao time transformando o Villa em centroavante onde o mesmo sofreu um penalti que não foi convertido por Xabi Alonso no rebote do lance Fabregas sofre outro pênalti que dessa vez não foi marcado pelo fraco árbitro da Guatemala Juiz Carlos Batres. Após esse lance o time espanhol ganha ânimo e começa a incomodar a defesa do Paraguai primeiro com um chute muito bom do meia Xavi e após em bela jogada de Iniesta no contra ataque ele rola na direita para Pedro que entrou no lugar de Xabi Alonso bater na trave e a bola se oferece para o artilheiro Villa que não perdoa chuta no cantinho direito que bate nas duas traves antes de entrar, logo após o gol espanhol o técnico paraguaio decidiu lançar o time inteiro ao ataque mas não teve muito sucesso na sua estratégia desesperadora em trazer o empate.

Essa vitória mostra como é importante o banco de reservas em uma copa do mundo ... a Espanha pegara agora o melhor time da copa por enquanto e terá que melhorar muito para superar a Alemanha como aconteceu na Eurocopa de 2008 onde a Espanha ganhou de 1 x 0 com gol de Fernando Torres.

0 comentários:

Postar um comentário